Intel quer acabar com todos os cabos de PCs em 2016

Imagem

Preparado para se livrar de toda aquela “maçaroca” de cabos – e estamos falando de todos os cabos mesmo – de seu PC? Pois a Intel apresentou uma proposta bastante interessante para atingir esse objetivo, durante a Computex 2014.

A ideia trazida pela empresa é surpreendentemente simples. Para manter os aparelhos conectados sem precisar de fios, a Intel planeja utilizar a tecnologia WiGig, o que vai garantir uma transferência de dados de até 7 Gbps. Quando o monitor e outros acessórios entram no alcance do sistema, eles são automaticamente conectados, depois é só afastá-los para cortar o sinal.

Supercarregamento sem fio

Mas, como falamos antes, a Intel não quer apenas se livrar desses fios: ela deseja também dar fim nos cabos de alimentação desses aparelhos. Então, considerando as limitações de proximidade e de quantidade de aparelhos dos carregadores sem fio atuais, como eles pretendem manter acessórios como monitores, mouses, caixas de sons e afins todos energizados?

A resposta vem com a tecnologia Rezence, que utiliza um mecanismo de carregamento por ressonância magnética. O sistema, que está sendo desenvolvido pela Alliance 4 Wireless Power (parceira da Intel), pode ser colocado debaixo de uma superfície como uma mesa, e é capaz de fazer recargas através de até 5 centímetros de madeira.

Além disso, ele não tem limitações para o número de aparelhos com os quais ele trabalha. Para demonstrar a eficiência do sistema, a empresa apresentou uma mesa com a tecnologia Rezence que estava carregando ao mesmo tempo um notebook, um celular, um headset e um tablet (a cena pode ser vista no início da matéria).

Um sonho não tão distante

Talvez o mais impressionante disso tudo seja pensar que essa tecnologia não está tão distante de chegar ao público: segundo o site CNet, a Intel quer trazer isso ao mercado em 2016, e revelou que empresas como Dell, Fujitsu, Lenovo, Logitech, Panasonic, Asus e Toshiba também estão trabalhando em conjunto da A4WP para tornar isso realidade. Vamos apenas torcer para que esses aparelhos não venham a preços totalmente absurdos.

 
 
fonte e notícia : tecmundo
Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s